quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Entrevista com John McBrian

Estamos hoje aqui com John McBrian, um dos protagonistas do livro Hathor.

John, quando você viu o mapa pela primeira vez o que pensou que era?

Olá a todos, é muito bom poder estar aqui com vocês. Bom, quando o professor conseguiu retirar a folha que estava escondida no livro, fiquei petrificado. Quando vi o mapa tive certeza que se tratava de algo importante. E uma intuição muito forte me disse para seguir aquele pedaço de papel.

Quando, já em Bamburgh, você encontrou aquela placa metálica o que pensou que fosse?

Da para imaginar o tamanho da minha surpresa? Uma placa de metal, que parecia aço polido, pesando algumas gramas e que caía como uma pena?
Nunca tinha visto nada igual. Foi espantoso e profundamente intrigante. Confesso que a principio pensei que fosse coisa do outro mundo. Isso reforçou ainda mais a minha intuição de seguir em frente.

Qual foi o momento mais tenso da sua viagem?

Penso que o pior momento foi o encontro com Seiji na Montanha do Roncador. Espero nunca mais passar por aquela situação.

O que mais o motivou a seguir viajem atrás de um tesouro que você nem tinha certeza que existia?

As pessoas têm razões estranhas para se motivarem. No meu caso, como já disse antes, eu estava com uma forte intuição de que deveria continuar. Quando fomos atacados  em Rothbury, eu delirei quase a noite inteira. E foi em um desses delírios que eu vi aqueles grandes olhos azuis. A partir daquele momento eu não tinha mais duvidas de que deveria seguir em frente
.
O que você tem a dizer a respeito da maldade de algumas pessoas que encontrou durante a sua jornada?

No princípio cheguei a sentir muita raiva e rapidamente rotulei algumas pessoas qualificando-as como más e perversas. Mas, com o passar do tempo eu mudei a minha forma de pensar. PŸthia costuma dizer que o mau não existe. Da mesma forma que a escuridão é a ausência de luz o mau é a ausência bem.

Jonh, muito obrigado pela entrevista e de lembranças a βrỉela.

Eu é que agradeço a oportunidade e aproveito para mandar um grande beijo a todos que nos dão vida em Hathor.




Follow MarkusThayer on Twitter

4 comentários:

  1. Hahah, adorei. Esclareceu muitas coisas pra mim agora. Muito obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Que inusitado. rs
    Primeira vez que vejo um personagem de livro ser entrevistado! =P
    rsrs

    Muito legal!

    OBS: Nao li a entrevista pra nao ter spoiler, pois quero ler o livro! ^^

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Adorei a entrevista com o John!!!
    Ah ja to com saudades dele...sauhsuha
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Adorei a entrevista com o personagem.
    Gostei muito do John. ^^

    Beijos. *-*

    ResponderExcluir